26 de mai de 2007

Nada de Silvio Santos


Ah, domingo... o dia nacional da preguica, do ocio, do nada...o dia aqui comecou indeciso - assim como eu. Como de costume, fui lavar roupa, aspirar carpete (soh pra relaxar!!), ler, e depois assistir um filminho ateh ter coragem de me levantar e fazer algo para comer. Umas 4 da tarde, jah cansada de nao fazer nada (!), decidi sair e andar pela cidade, para ver o q o domingo me proporcionaria. Sai andando (atravessei minha amada ponte), e fui ao centro - em sua maioria fechado. Tive a surpresa de encontrar com alguns amigos e ter momentos de boas risadas. Na volta - tb pela ponte - eu vejo um casal se beijando, e a mulher com uma das pernas flexionadas, com o pezinho pra cima (aquela classica boba deliciosa cena de quem estah apaixonada!). Estava meio escuro, e soh qdo me aproximei um pouco mais, percebi q era um casal de idosos, ambos de cabelo branquinho. Acho q essa foi a primeira vez q eu realmente lamentei nao ter ainda uma maquina, adoraria ter registrado esse momento!!! Na minha volta para casa, ainda na ponte, peguei uma chuva, q resolveu completar meu domingo. De inicio, pensei em correr e me proteger, depois me dei conta de q eu AINDA nao tinha tomado um delicioso banho de chuva por aqui. Simplesmente abri os bracos, e fiquei lah, lavando o meu domingo e o meu coracaozinho apertado e feliz!!! Ahhhhhhhh, os domingos... aqueles q o perdem assistindo Silvio Santos talvez nao tenham a oportunidade de apreciar uma sensacao q eh otima no ser humano: ser feliz!!!